PARTY TIME de Harold Pinter

Circle Theatre, Emerson Stage, Boston 

Encenação e Espaço Cénico:

Graça P. Corrêa

FigurinosSusan Hollister; Luz: Valerie Cohen; Som: Mercedes Roman; Direcção técnicaKaren Stein; Produção executiva: ArtCom; Co-produção e financiamento: Emerson College; Com: Aaron Rath, Bryce Salisbury Lease, Jacob Cohen, Jill Nowak, Leah Verrill, Misti Wills, Roger Weisman, Sylvia Desrochers, Warin Epstein.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em Party Time, peça escrita em 1991, Pinter tem como alvo crítico o mundo dos donos do poder e a sociedade da “beautiful people” – incluindo não apenas os lacaios privilegiados desta máquina dominadora, mas também os homens e as mulheres que confortavelmente dirigem o curso dos acontecimentos e têm o poder de instituir a repressão e impôr a ordem com punho de ferro.

Março 1996

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *